Steve Ditko (1927 - 2018) desenhou a história aqui apresentada, Por quem os tambores tocam (1961), pouco tempo antes de deixar sua marca na história das hq's ao substituir Jack Kirby no processo de criação do Homem-Aranha. O título da história remete deliberadamente a um clássico da literatura norte-americana, Por quem os sinos dobram (1940), de Ernest Hemingway (1899 - 1961). É provável que a intenção de Ditko fosse homenagear Hemingway no ano de sua morte, produzindo uma narrativa que apresenta, em comum com a obra do seu homenageado, um jovem sobrepujado pelas situações que se criam a partir da realização de um desejo intempestivo.

Veremos mais de Ditko em breve nesta coleção.

Comentários? Dicas? Sugestões? Críticas?

Use o formulário abaixo para falar com a gente!

Obrigado!